EXAME DE COLPOCITOLOGIA ONCÓTICA: REVISÃO INTEGRATIVA

Luana Tainá Lima Amorim, Nicole Jucá Monteiro, Laura Maria Vidal Nogueira, Ivaneide Leal Ataíde Rodrigues, Suzana Rosa André

Resumo


RESUMO

Este artigo tem como tema, o exame de colpocitologia oncótica realizado nas Unidades de Saúde. O objetivo do estudo é evidenciar o que as publicações científicas nacionais e internacionais revelam sobre a qualidade dos serviços que realizam o exame Papanicolau. Como metodologia, utilizou-se a revisão integrativa da literatura, realizando uma busca de dados nas bases US National Library of Medicine (PUBMED) e da Literatura Latino Americana e do Caribe em Ciências da Saúde (LILACS). Totalizaram-se 31 estudos para análise, dos quais 64,5% (20 artigos) foram publicados em periódicos nacionais e 34,4% (11) publicados em periódicos estrangeiros. Os estudos foram agrupados em três categorias conforme conteúdo, a saber: conhecimento sobre o exame de colpocitologia oncótica; Acesso ao serviço de saúde na Atenção Primária e Análise Laboratorial.  Este estudo identificou a importância do teste de Papanicolau para a população feminina, assim como sua relação e importância nas práticas dos profissionais da enfermagem.


ABSTRACT

The aim of this study is to show what national and international scientific publications reveal about the quality of the services that perform the Papanicolau exam. As a methodology, the integrative literature review was used, performing a data search at the US National Library of Medicine (PUBMED) and the Latin American and Caribbean Literature in Health Sciences (LILACS) databases. There were 31 studies for analysis, of which 64.5% (20 articles) were published in national journals and 34.4% (11) published in foreign journals. The studies were grouped into three categories according to content, namely: knowledge about the examination of oncotic colpocitology; Access to health services in Primary Care and Laboratory Analysis. This study identified the importance of the Pap smear test for the female population, as well as its relation and importance in the practices of nursing professionals. 


RESUMEN

 

El objetivo del estudio es evidenciar lo que las publicaciones científicas nacionales e internacionales revelan sobre la calidad de los servicios que realizan el examen Papanicolau. Como metodología, se utilizó la revisión integrativa de la literatura, realizando una búsqueda de datos en las bases US National Library of Medicine (PUBMED) y de la Literatura Latinoamericana y del Caribe en Ciencias de la Salud (LILACS). Se completó 31 estudios para análisis, de los cuales el 64,5% (20 artículos) fueron publicados en periódicos nacionales y el 34,4% (11) publicados en periódicos extranjeros. Los estudios se agruparon en tres categorías según el contenido, a saber: conocimiento sobre el examen de colpocitología oncótica; Acceso al servicio de salud en la Atención Primaria y Análisis Laboratorio. Este estudio identificó la importancia del test de Papanicolau para la población femenina, así como su relación e importancia en las prácticas de los profesionales de la enfermería.


Texto completo:

PDF PDF ENGLISH

Referências


Referências

Instituto Nacional do Câncer (INCA/MS). Estimativa 2016: incidência de câncer no Brasil. Rio de Janeiro: Fox Print [Internet]. 2015. Disponível em: http://www.inca.gov.br/bvscontrolecancer/publicacoes/edicao/Estimativa_2016.pdf.

Machado IPBF, et al. A importância da qualidade na técnica de coleta de exame colpocitológico. Universo de Enfermagem-Faculdade Capixaba de Nova Venécia [Internet]. 2012; 1(1): 114-125. Disponível em: http://novavenecia.multivix.edu.br/wp-content/uploads/2013/03/universo_enf_01.pdf#page=114.

Resolução do COFEN Nº 381/2011. Normatiza a execução, pelo Enfermeiro, da coleta de material para colpocitologia oncótica pelo método de Papanicolau [Internet], 2011. Disponível em: http://www.cofen.gov.br/resoluo-cofen-n-3812011_7447.html.

Ministério da Saúde. Pará: saúde amplia vacinação de HPV para meninos de 11 até 15 anos. Portal da Saúde – Ministério da Saúde [Internet]. 2017. Disponível em: http://portalsaude.saude.gov.br/index.php/o-ministerio/principal/secretarias/job/webradio/28816-para-saude-amplia-vacinacao-de-hpv-para-meninos-de-11-ate-15-anos.

Ganong LH. Integrative Reviews of Nursing. Rev Nurs Health. 1987; 10(1):1-11.

Ministério da Saúde (BR). Manual de Gestão da Qualidade para Laboratório de Citopatologia. Rio de Janeiro: Ministério da Saúde; 2016.

Santos AMR, Holanda JBL, Silva JMO, Santos AAP, Silva EM. Câncer de colo uterino: conhecimento e comportamento de mulheres para prevenção. Rev Bras Promoç Saúde [Internet], Fortaleza. 2015; 28(2): 153-159. Disponível em: http://periodicos.unifor.br/RBPS/article/view/3066.

Mascarello KC, Zandonade E, Amorim MHC. Análise da sobrevida de mulheres com câncer do colo do útero atendidas em hospital de referência para oncologia no Espírito Santo, Brasil, nos anos de 2000 a 2005. Cad Saúde Pública [Internet]. 2013; 29(4):823-31. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-311X2013000400019&script=sci_abstract&tlng=pt.

Souza AF, Costa LHR. Conhecimento de Mulheres sobre HPV e Câncer do Colo do Útero após Consulta de Enfermagem. Revista Brasileira de Cancerologia [Internet]. 2015; 61(4): 343-350. Disponível em: http://www.inca.gov.br/rbc/n_61/v04/pdf/05-artigo-conhecimento-de-mulheres-sobre-hpv-e-cancer-do-colo-do-utero-apos-consulta-de-enfermagem.pdf.

Laganá MTC, Silva MMP, Lima LF, França TLB. Alterações Citopatológicas, Doenças Sexualmente Transmissíveis e Periodicidade dos Exames de Rastreamento em Unidade Básica de Saúde. Revista Brasileira de Cancerologia [Internet]. 2013; 59(4): 523-530. Disponível em: http://www1.inca.gov.br/rbc/n_59/v04/pdf/05-artigo-alteracoes-citopatologicas-doencas-sexualmente-transmissiveis-periodicidade-exames-rastreamento-unidade-basica-saude.pdf.

Kopach R, De Laurentis P-C, Lawley M, Muthuraman K, Ozsen L, Rardin R, Wan H, Intrevado P, QuX, Willis D. Effects of clinical characteristics on successful

open access scheduling. Health Care ManagSci. 2007; 10(2):111-124. Available in: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/17608053.

Thiede M, McIntyre D. Information, communication and equitable access to health care: a conceptual note. Cad Saude Publica [Internet]. 2008; 24(5):1168-1173. Available in: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0102-311X2008000500025.

Tomasi E, Oliveira TF, Fernandes PAA, Thumé E, Silveira DS, Siqueira FV , et al. Estrutura e processo de trabalho na prevenção do câncer de colo de útero na Atenção Básica à Saúde no Brasil: Programa de Melhoria do Acesso e da Qualidade – PMAQ. Rev. Bras. Saúde Matern. Infant [Internet], Recife. 2015, 15(2): 171-180. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1519-38292015000200171&script=sci_abstract&tlng=pt.

Brito-Silva K, Bezerra AFB, Chaves LDP, Tanaka OY. Integralidade no cuidado ao câncer do colo do útero: avaliação do acesso. Rev. Saúde Publica [Internet]. 2014; 48: 240-8. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-89102014000200240&script=sci_abstract&tlng=pt.

Assis MMA, Jesus WLA. Acesso aos serviços de saúde: abordagens, conceitos, políticas e modelo de análise. Ciência & Saúde Coletiva [Internet]. 2012; 17(11):2865-2875. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-81232012001100002&script=sci_abstract&tlng=pt.

Machado LM, Colomé JS, Silva RM et al. Significados do fazer profissional na estratégia de saúde da família: atenção básica enquanto cenário de atuação. J. res.: fundam. Care [Internet]. 2016, 8(1):4026-4035. Disponível em: www.seer.unirio.br/index.php/cuidadofundamental/article/download/.../pdf_1830.

Jorge RJB, Sampaio LRL, Diógenes MAR, Mendonça FAC, Sampaio LL. Fatores associados a não realização periódica do exame papanicolau. Rev Rene [Internet]. Fortaleza. 2011; 12(3):606-12. Disponível em: http://www.revistarene.ufc.br/vol12n3_pdf/a22v12n3.pdf.

Viana MRP, Moura MEB, Nunes BMVT, Monteiro CFS, Lago EC. Formação do enfermeiro para a prevenção do câncer de colo uterino. Rev. enferm. UERJ [Internet], Rio de Janeiro. 2013; 21(1):624-30. Disponível em: http://www.facenf.uerj.br/v21nesp1/v21e1a11.pdf.

Plewka J, Turkiewicz M, Duarte BF, Chaves MAF, Cestari C, Tartari DC. Avaliação dos indicadores de qualidade de laboratórios de citopatologia cervical. Rev Inst Adolfo Lutz [Internet], São Paulo. 2014; 73(2):140-7. Disponível em: ses.sp.bvs.br/lildbi/docsonline/get.php?id=5880.

Ázara CZS, Araújo ES, Magalhães JC; Amaral RG. Avaliação dos Indicadores da Qualidade dos Exames Citopatológicos do Colo do Útero de Laboratórios Privados do Estado de Goiás Credenciados pelo Sistema Único de Saúde. Revista Brasileira de Cancerologia [Internet]. 2014; 60(4): 295-303. Disponível em: http://www1.inca.gov.br/rbc/n_60/v04/pdf/03-artigo-avaliacao-dos-indicadores-da-qualidade-dos-exames-citopatologicos-do-colo-do-utero-de-laboratorios-privados-do-estado-de-goias-credenciados-pelo-sistema-unico-de-saude.pdf.




DOI: https://doi.org/10.18554/reas.v7i1.2436

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/