MEMÓRIA DISCURSIVA E IDEOLOGIA: ANÁLISE DAS PROPAGANDAS DOS GRANDES EVENTOS ESPORTIVOS DO BRASIL CONTEMPORÂNEO

Anderson Carvalho Pereira

Resumo


O artigo investiga modos pelos quais peças publicitárias de grandes eventos esportivos realizados no Brasil (Copa do Mundo de Futebol e Olimpíadas) sustentam mecanismos discursivos voltados ao jogo entre a memória e a ideologia. Para isto, mobiliza conceitos da Análise de Discurso francesa, a saber: memória discursiva e ideologia. Metodologicamente, o estudo filia-se ao paradigma indiciário de análise, cuja interpretação permite reformular hipóteses iniciais. Por fim, aprofunda uma discussão sobre o alcance do determinante político no discurso voltado ao recrutamento e à convocatória unívoca de toda a população a participar destes eventos.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18554/ri.v9i2.1174

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 ISSN 1981-0601

 Qualis B2 (LINGUíSTICA E LITERATURA/ Quadriênio 2013-2016)