Realidade e ficção em Eleanor Marx: filha de Karl; um romance

Lidiane Pereira Coelho, João Batista Cardoso

Resumo


O artigo ora apresentado analisa o modo como alguns aspectos da realidade se tornam presentes na obra de ficção. Para tanto utiliza, como corpus, o romance Eleanor Marx, filha de Karl; um romance, de Maria José Silveira, que conta a história de Eleanor Marx, filha de Karl Marx, pensador e idealizador do Socialismo. Ativista política e seguidora do Socialismo, Eleanor foi uma mulher à frente de seu tempo, ela abraçou as grandes causas de sua época. A obra, além de recontar, de forma romanceada, os últimos dez meses de vida da personagem, também retrata alguns dos grandes acontecimentos sociais pelos quais passou a sociedade inglesa do século XIX. Nesse sentido, o estudo se propõe a analisar como realidade, ficção e História se imbricam num texto literário, fazendo com que a Literatura se constitua também como construção de conhecimento.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18554/ri.v5i1.212

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 ISSN 1981-0601

 Qualis B2 (LINGUíSTICA E LITERATURA/ Quadriênio 2013-2016)