Fluorose óssea no Brasil: conhecimento de uma população acerca da doença

Maria Soraya Pereira Franco Adriano, Consuelo Fernanda Macedo de Souza, Denise Campos Menezes, José Ferreira de Lima Júnior, Fábio Correia Sampaio

Resumo


Este estudo tem como objetivo conhecer o perfil de indivíduos com fluorose óssea no município de São João do Rio do Peixe- PB, evidenciando a percepção dos mesmos acerca dessa problemática. Essa região foi escolhida uma vez que a água de consumo apresenta uma concentração de 5,12 ppm de flúor, levando a um acometimento de toda a população pela fluorose dentária. Trata-se de um estudo observacional, transversal, descritivo e exploratório, baseado em dados quanti-qualitativos. A amostra foi composta por 27 pessoas, com idades acima de 61 anos. Observou-se que alguns entrevistados têm consciência de que o excesso do fluoreto pode afetar os dentes e ocasionar alterações ósseas. Observou-se que essa morbidade ainda é pouco conhecida.


Palavras-chave


Saúde Pública; Abastecimento de água; Fluorose dentária.



DOI: https://doi.org/10.18554/refacs.v5i0.1975

Apontamentos

  • Não há apontamentos.