Os benefícios da extubação paliativa na qualidade de morte

Mariana Fernandes Peixoto, Fabio Bruno Silva Nascimento, Beatriz Paschoini Andrade Silva, Daniela Santana Polati Silveira

Resumo


O estudo tem como objetivo apresentar revisão acerca do processo da extubação paliativa assim como seus benefícios na qualidade de morte. Considerou-se o período de 2012 a meados de 2017 e foram utilizados documentos científicos obtidos nas plataformas de dados, SciELO, PubMed, Embase, Cochrane. A busca foi realizada utilizando os descritores Extubação, Cuidados Paliativos  e, Comunicação em inglês e português.  Para o estudo selecionou-se 19 artigos, as quais 33,33% apresentaram o cuidado paliativo associado a qualidade de morte, 38,88% apresentaram os cuidados paliativos inseridos na unidade de terapia intensiva, 27,77% realizaram a extubação paliativa para uma melhor qualidade de morte. Nos artigos selecionados observou-se a importância da equipe multidisciplinar bem preparada, assim como uma boa comunicação com a família e paciente, bem como o desfecho de uma extubação paliativa na qualidade de morte.


Palavras-chave


Comunicação; Cuidados paliativos; Extubação.

Referências


Kostakou E, Rovina N, Kyriakopoulou M, Koulouris NG, Koutsoukou A. Critically ill cancer patient in intensive care unit: issues that arise. J Crit Care [Internet]. 2014 [citado em 06 fev 2020]; 29(5):817-22. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S0883944114001452. DOI: https://doi.org/10.1016/j.jcrc.2014.04.007

Lacerda CA, Camboim FEF, Camboim JCA, Nunes EM, Bezerra ALD, Sousa MNA. O lidar com a morte em unidade de terapia intensiva: dificuldades relatadas por enfermeiros. C&D Rev Elet da FAINOR [Internet]. 2016 [citado em 06 fev 2020]; 9(2):173-86. Disponível em: http://srv02.fainor.com.br/revista/index.php/memorias/article/view/559

World Health Organization. National cancer control programmes: policies and managerial guidelines. Genève: WHO; 2012. Disponível em: https://www.who.int/cancer/publications/nccp2002/en/

Kelley AS, Morrison RS. Palliative care for the seriously ill. N Engl J Med. [Internet] 2015 [citado em 06 fev 2020]; 373(8):747-55 Disponível em: https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMra1404684

Gomes ALZ, Othero MB. Cuidados paliativos. Estud Av. [Internet]. 2016 [citado em 06 fev 2020]; 30(88): Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ea/v30n88/0103-4014-ea-30-88-0155.pdf. DOI: DOI: 10.1590/S0103-40142016.30880011

Cook D, Rocker G. Dying with dignity in the Intensive Care Unit. N Engl J Med. [Internet]. 2014 [citado em 06 fev 2020]; 370:2506-14. Disponível em: https://www.nejm.org/doi/full/10.1056/NEJMra1208795

Grandhige AP, Timmer M, O'Neill MJ, Binney ZO, Quest TE. Respiratory therapists’ experiences and attitudes regarding terminal extubations and end-of-life care. Respir Care [Internet]. 2016 [citado em 06 fev 2020]; 61(7):891-6. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27274094. DOI: doi: 10.4187/respcare.04168

Araujo MMT, Silva MJP. O conhecimento de estratégias de comunicação no atendimento à dimensão emocional em cuidados paliativos. Texto & Contexto Enferm. [Internet]. 2012 [citado em 06 fev 2020]; 21(1): 121-9. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tce/v21n1/a14v21n1.pdf

Kok VC. Compassionate extubation for a peaceful death in the setting of a community hospital: a case-series study. Clin Interv Aging [Internet]. 2015 [citado em 06 fev 2020]; 10:679-85. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC4396346/. DOI: 10.2147/CIA.S82760

Hinkle LJ, Bosslet GT, Torke AM. Factors associated with family satisfaction with end-of-life care in the ICU. Chest [Internet]. 2015 [citado em 06 fev 2020]; 147(1):82-93. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/25103451. DOI: 10.1378/chest

Brush DR, Rasinski KA, Hall JB, Alexander GC. Recommendations to limit life support: a national survey of critical care physicians. Am J Respir Crit Care Med. [Internet]. 2012 [citado em 06 fev 2020]; 186(7):633-9. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22837382. DOI: 10.1164/rccm.201202-0354OC

Chang SY, Sevransky J, Martin GS. Protocol in the management of critical illness. Crit Care [Internet]. 2012 [citado em 06 fev 2020]; 16(2):306. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pmc/articles/PMC3584719/

Andrade CG, Costa SFG, Lopes MEL. Cuidados paliativos: a comunicação como estratégia de cuidado para o paciente em fase terminal. Ciên Saúde Colet [Internet]. 2013 [citado em 06 fev 2020]; 18(9):2523-30. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v18n9/v18n9a06.pdf

Mazutti SRG, Nascimento AF, Fumis RRL. Limitação de Suporte Avançado de Vida em pacientes admitidos em unidade de terapia intensiva com cuidados paliativos integrados. Rev Bras Ter Intensiva [Internet]. 2016 [citado em 06 fev 2020]; 28(3):294-300. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rbti/v28n3/0103-507X-rbti-20160042.pdf. DOI: 10.5935/0103-507X.20160042

Catalão DFG. Qual a importância dos cuidados paliativos nos cuidados intensivos?[Internet]. [dissertação]. Porto, Portugal: Universidade do Porto; 2015. [acesso em 31 out 2017]. Disponivel em: https://sigarra.up.pt/fcnaup/pt/pub_geral.pub_view?pi_pub_base_id=37489

Graw JA, Spies CD, Wernecke K-D, Braun J-P. Managing end-of life decision making in intensive care medicine – a perspective from Charité Hospital, Germany. PLos ONE [Internet]. 2012 [citado em 06 fev 2020]. 7(10):e46446. Disponível em: https://journals.plos.org/plosone/article?id=10.1371/journal.pone.0046446. DOI: https://doi.org/10.1371/journal.pone.0046446

Noje C, Bernier ML, Costabile PM, Klein BL, Kudchadkar SR. Pediatric critical care transport as a conduit to terminal extubation at home: a case series. Pediatr Crit Care Med. [Internet]. 2017 [citado em 06 fev 2020]; 18(1):e4-e8. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/27801708. DOI: 10.1097/PCC.0000000000000997

Rebelatto G. Análise descritiva dos pacientes submetidos à extubação paliativa [Internet]. [dissertação]. Florianópolis: Universidade de Santa Catarina; 2015 [citado em 31 out 2017]. Disponivel em: https://repositorio.ufsc.br/handle/123456789/169536

Huynh TN, Walling AM, Le TX, Kleerup EC, Liu H, Wenger NS. Factors associated with palliative withdrawal of mechanical ventilation and time to death after withdrawal. J Palliat Med. [Internet]. 2013 [citado em 06 fev 2020]; 16(11):1368-74. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24083651. DOI: 10.1089/jpm.2013.0142




DOI: https://doi.org/10.18554/refacs.v8i2.2564

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.