Impacto da fadiga na qualidade de vida de mulheres com câncer de mama

Cristiane Soares Campos, Taliana da Silva Gomes Oliveira, Anna Cláudia Yokoyama dos Anjos, Maria Beatriz Guimarães Ferreira, Patrícia Magnabosco, Juliana Pena Porto

Resumo


O objetivo deste estudo foi avaliar a qualidade de vida de mulheres com fadiga secundária à quimioterapia durante o tratamento para o câncer de mama. Trata-se de um estudo prospectivo, quantitativo, com 47 mulheres atendidas em um hospital universitário. Os dados foram coletados entre 2017 a 2018 em dois momentos (T1 e T2), através de instrumentos de mensuração específicos para fadiga e qualidade de vida. Houve predomínio de mulheres com fadiga moderada, a dimensão afetiva foi a mais afetada, e a qualidade de vida apresentada foi razoável. As correlações entre fadiga total e estado geral de saúde, função social e dor foram significativas apenas em T2; o que sugere que quanto mais persistente a fadiga, maior poderá ser o comprometimento da qualidade de vida. O estudo mostrou que a fadiga compromete funcional, emocional e socialmente as mulheres; sendo necessário investigar medidas mais efetivas para o gerenciamento da fadiga e para o reestabelecimento da qualidade de vida.


Palavras-chave


Fadiga; Tratamento farmacológico; Qualidade de vida; Neoplasias da mama; Mulheres.

Referências


Almeida TG, Comasseto I, Alves KMC, Santos AAP, Silva JMO, Trezza MCSF. Vivência da mulher jovem com câncer de mama e mastectomizada. Esc Anna Nery Rev Enferm. [Internet]. 2017 [citado em 01 ago 2018]; 19(3):432-8. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ean/v19n3/1414-8145-ean-19-03-0432.pdf

National Cancer Institute. Breast Cancer Treatment (Adult) Pdq® - Health Professional Version [Internet]. Bethesda, MD: NCI; 2020 [citado em 11 mar 2020]. Disponível em: https://www.cancer.gov/types/breast/hp/breast-treatment-pdq

Borges JA, Quintão MMP, Chermont SSMC, Mendonça Filho HTF, Mesquita ET. Fadiga: um sintoma complexo e seu impacto no câncer e na insuficiência cardíaca. Int J Cardiovasc Sci. [Internet]. 2018 [citado em 16 mar 2020]; 31(4):433-42. Disponível em: http://publicacoes.cardiol.br/portal/ijcs/portugues/2018/v3104/pdf/3104014.pdf

Peoples AR, Roscoe JA, Block RC, Heckler CE, Ryan JL, Mustian KM, et al. Nausea and disturbed sleep as predictors of cancer-related fatigue in breast cancer patients: a multicenter NCORP study. Support Care Cancer [Internet]. 2017 [citado em 01 mar 2018]; 25(4):1271-8. DOI: 10.1007/s00520-016-3520-8

North American Nursing Diagnosis Association International (Nanda International). Diagnósticos de enfermagem da NANDA Internacional: definições e classificação 2018-2020. 11ed. Porto Alegre: Artmed; 2018. 1187p.

Mota DDCF, Pimenta CAM, Fitch MI. Pictograma de fadiga: uma alternativa para avaliação da intensidade e impacto da fadiga. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2009 [citado em 01 ago 2018]; 43(Esp):1080-7. DOI: 10.1590/S0080- 62342009000500012

Mota DDCF, Pimenta CAM, Piper BF. Fatigue in brazilian cancer patients, caregivers, and nursing students: a psychometric validation study of the Piper Fatigue Scale-Revised. Support Care Cancer [Internet]. 2009 [citado em 01 maio 2018]; 17(6):645-52. DOI: 10.1007/s00520-008-0518-x

Aaronson NK, Ahmedzai S, Bergman B, Bullinger M, Cull A, Duez NJ, et al. The European Organization for Research and Treatment of Cancer QLQ-C30: a quality-of-life instrument for use in international clinical trials in oncology. J Natl Cancer Inst. [Internet]. 1993 [citado em 01 mar 2018]; 85(5):365-76. DOI: doi.org/10.1093/jnci/85.5.365

Mota D. Fadiga no doente com câncer colo-retal: fatores de risco e preditivos [Internet]. [tese]. São Paulo: Universidade de São Paulo [citado em 13 abr 2020]; 2008. 128p. Disponível em: https://www.teses.usp.br/teses/disponiveis/7/7139/tde-25022008-121845/publico/Dalete_Mota_DO.pdf

Fayers P, Aaronson NK, Bjordal K, Groenvold M, Curran D, Bottomley A. EORTC QLQ-C30 scoring manual. 3ed. Brussels: European Organization for Research and Treatment of Cancer, 2001.

Osoba D, Rodrigues G, Myles J, Zee B, Pater J. Interpreting the significance of changes in health-related quality-of-life scores. J Clin Oncol. [Internet]. 1998 [citado em 01 mar 2018]; 16(1):139-44. DOI: 10.1200/JCO.1998.16.1.139

Reis FP, Santos MEG, Sena WR, Santana R, Freitas TSF, Silveira HF, et al. Perfil epidemiológico das pacientes com câncer de mama atendidas em uma unidade de saúde em São Francisco do Conde, BA. Rev Ciênc Méd Biol. [Internet]. 2016 [citado em 01 nov 2018]; 15(2): 144-50. Disponível em: https://portalseer.ufba.br/index. php/cmbio/article/view/15194

Azevedo DB, Moreira JC, Gouveia PA, Tobias GC, Morais Neto OL. Perfil de mulheres com câncer de mama. Rev Enferm UFPE on line [Internet]. 2017 [citado em 01 nov 2018]; 11(6):1-9. DOI: 10.5205/reuol.10827-96111-1-ED.1106201702

Ministério da Saúde (Br). Estimativa 2018: incidência de câncer no Brasil [Internet]. Rio de Janeiro: INCA; 2017 [citado em 13 abr 2020]. 130p. Disponível em: https://portaldeboaspraticas.iff.fiocruz.br/wp-content/uploads/2019/10/estimativa-incidencia-de-cancer-no-brasil-2018.pdf

Crawford J, Gabrilove JL. Therapeutic options for anemia and fatigue. Medscape Oncol. [Internet]. 2000 [citado em 01 nov 2018]; 1-12. Disponível em: https://www.medscape.org/viewarticle/416404_8

Abu-Taha OM, Qadire MIA, Maharmeh M, Alyami MS. Assessment of câncer-related fatigue among Jordanian patients: a cross-sectional survey. Br J Nurs. [Internet]. 2020 [citado em 16 mar 2020]; 29(2): 111-7. Disponível em: https://doi.org/10.12968/bjon.2020.29.2.111

Padavini RL. Fadiga e qualidade de vida em pacientes sob quimioterapia antineoplásica. [dissertação]. Campo Grande: Universidade Federal de Mato Grosso do Sul; 2014. 85p.

Liu L, Rissling M, Natarajan L, Fiorentino L, Mills PJ, Dimsdale JE, et al. The longitudinal relationship between fatigue and sleep in breast cancer patients undergoing chemotherapy. Sleep [Internet]. 2012 [citado em 01 abr 2018]; 35(2):237-45. DOI: 10.5665/sleep.1630

Lamino DA, Mota DDCF, Pimenta CAM. Prevalência e comorbidade de dor e fadiga em mulheres com câncer de mama. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2011 [citado em 01 nov 2018]; 45(2):508-14. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/ S0080-62342011000200029

Curt GA, Breitbart W, Cella D, Groopman JE, Horning SJ, Itri LM, et al. Impact of cancer-related fatigue on the lives of patients: new findings from the fatigue coalition. Oncologist [Internet]. 2000 [citado em 01 ago 2018]; 5(5):353-60. DOI: 10.1634/theoncologist.5-5-353

Martins LC, Ferreira Filho C, Del Giglio A, Munhoes DA, Trevizan LLB, Herbst LG, et al. Desempenho profissional ou doméstico das pacientes em quimioterapia para câncer de mama. Rev Assoc Med Bras. [Internet]. 2009 [citado em 01 jul 2018]; 55(2):158-62. Disponível em: http://doi.org/10.1590/ S0104-42302009000200019

Ferreira, ASP. Funcionamento cognitivo de pacientes com cancro de mama: sua relação com a sintomatologia traumática [Internet]. [dissertação]. Porto, Portugal: Universidade Portucalense; 2017 [citado em 13 abr 2020]. 63p. Disponível em: http://repositorio.uportu.pt/jspui/bitstream/11328/1886/1/TMPS%2084.pdf

Albarnaz MD. Efetividade do guaraná (Paullinia cupana) para manejo da fadiga em mulheres com câncer de mama em quimioterapia: um ensaio clínico, duplo cego, randomizado [Internet]. [dissertação]. Goiânia: Universidade Federal de Goiás; 2017 [citado em 13 abr 2020]. 108p. Disponível em: https://repositorio.bc.ufg.br/tede/bitstream/tede/7208/5/Disserta%c3%a7%c3%a3o%20-%20Marcela%20Dias%20Albarnaz%20%20-%202017.pdf

National Comprehensive Cancer Network. NCCN Cancer-related Fatigue. Clinical Practice Guidelines in Oncology. J Natl Compr Canc Netw. [Internet]. 2003; [citado em 05 set 2017]; 1(3):308-31. DOI: 10.6004/jnccn.2003.0029

Ferreira MO, Gonçalves LLC, Naziazeno SD. Mulheres com câncer de mama: trajetória nos serviços de saúde e qualidade de vida. In: International Nursing Congress; 2017; Tiradentes. Tiradentes, MG: Universidade de Tiradentes; 2017. p. 1-4.

Lôbo SA, Fernandes AFC, Almeida PC, Carvalho CML, Sawada NO. Qualidade de vida em mulheres com neoplasias de mama em quimioterapia. Acta Paul Enferm. [Internet]. 2014 [citado em 01 ago 2018]; 27(6):554-9. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1982-0194201400090

Corbett T, Groarke AM, Walsh JC, MCGuire BE. Cancer-related fatigue in post-treatment survivors: application of the common sense model of illness representations. BMC Cancer. [Internet]. 2016 [citado em 18 mar 2020]; 16(919):1-17. DOI: https://doi.org/10.1186%2Fs12885-016-2907-8

Garcia SN, Jacowski M, Castro GC, Galdino C, Guimarães PRB, Kalinke LP. Os domínios afetados na qualidade de vida de mulheres com neoplasia mamária. Rev Gaúch Enferm. [Internet]. 2015 [citado em 13 out 2018]; 36(2):89-96. Disponível em: http://doi.org/10.1590/1983-1447.2015.02.45718

Silva PR, Cruz LAP, Nascimento TG, Gozzo TO. Qualidade do sono e fadiga em mulheres com câncer de mama durante o tratamento quimioterápico. Rev Enferm UFSM [Internet]. 2019 [citado em 15 jun 2019]; 9(20):1-18. DOI: 10.5902/2179769232732




DOI: https://doi.org/10.18554/refacs.v8i3.4136

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.