Histórico do periódico

A Revista Iniciação & Formação Docente foi criada com o objetivo inicial de publicar textos de bolsistas (de ID, supervisores e Coordenadores) do Programa de Iniciação à Docência (PIBID). Tanto que o primeiro e segundo volumes, publicados em 2014, são compostos por   artigos completos resultantes de comunicações e painéis apresentados no IV Encontro Nacional das Licenciaturas e III Seminário Nacional do Pibid - realizados em dezembro de 2013 na UFTM.

A partir do segundo volume de 2015, quando passou a ser editada somente pelo Grupo de Estudos e Pesquisas em Análise do Discurso, Leitura e Escrita (GEPADLE), este periódico manteve o seu caráter multidisciplinar, mas definiu como áreas principais de interesse a Educação e a Linguagem. A partir dessas duas áreas, busca publicar artigos que discutam: a) políticas públicas para formação inicial e continuada de professores; b) linguagem, educação e sociedade; c) metodologias de ensino; d) Pesquisa e formação de professores; e) leitura, escrita e produção de conhecimento; f) ensino-aprendizagem da leitura e escrita na escola.

Na avaliação do Qualis CAPES, quadriênio 2013-2016, recebeu B3 na área de Ensino.

Como faz parte das preocupações do grupo editor deste periódico a criação de possibilidades para que alunos de graduação e mestrandos possam também publicar os resultados de suas pesquisas, em 2018, foram criadas as sessões para publicação de TCC e Relato de Experiência Docente. Com isso, a revista faz uma retomada de seu objetivo inicial, ser também uma publicação de trabalhos iniciais.

Além disso, passou a ser foco desta revista, desde o ano de 2017,  a publicação de artigos e relatos de experiências, desde que relacionados as suas temáticas de interesse, produzidos dentro do escopo das políticas de internacionalização. Principalmente, aqueles resultantes das perspectivas de internacionalização sul-sul.