EXPERIMENTAÇÃO E FORMAÇÃO INICIAL DOCENTE EM CIÊNCIAS NO PIBID: RELATO DE EXPERIÊNCIA

Sávio Cunha Costa, Luis Gustavo da Conceição Galego

Resumo


Estratégias didático-pedagógicas vêm sendo discutidas nas últimas décadas, principalmente no ensino de Ciências, muitas vezes por tratar de conceitos distantes da realidade dos alunos, pela abordagem tradicional e sem articulação entre teoria e prática. Nesse sentido, destaca-se o uso de atividades práticas experimentais. Este trabalho objetivou relatar a experiência em formação inicial docente em práticas experimentais de Ciências, além de ressaltar as potencialidades dessa ferramenta didático-pedagógica. As atividades foram realizadas por licenciandos do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID), Subprojeto de Ciências Biológicas da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (UFTM). Para tanto, realizou-se uma pesquisa qualitativa descritiva por meio de levantamento bibliográfico sobre o tema e, posteriormente, desenvolveu-se práticas experimentais com alunos da educação básica do ensino fundamental de uma escola pública estadual de Uberaba (MG). Com a experiência, pode-se verificar que houve a diversificação da aprendizagem e desenvolvimento de habilidades dos alunos. Ressalta-se que as aulas práticas experimentais necessitam de maior planejamento pelos professores, e devem estar articuladas com o escopo teórico que as fundamenta. Nessa perspectiva, salienta-se a necessidade de atividades práticas inovadoras, dinâmicas e significativas, além da importância do PIBID em promover a experiência dos licenciandos no contexto escolar.


Palavras-chave


Ensino de Ciências; Atividades Experimentais; Formação inicial de professores; PIBID.

Texto completo:

PDF

Referências


ANDRADE, Marcelo Leandro Feitosa de; MASSABNI, Vânia Galindo. O desenvolvimento de atividades práticas na escola: um desafio para os professores de ciências. Ciência & Educação (Bauru), v. 17, n. 4, p. 835-854, 2011.

ARAÚJO, Mauro Sérgio Teixeira de; ABIB, Maria Lúcia Vital dos Santos. Atividades Experimentais no Ensino de Física: Diferentes Enfoques, Diferentes Finalidades. Revista Brasileira de Ensino de Física, v. 25, n. 2, p. 176-194,2003.

ARISTÓTELES. Metafísica, “Livro A, cap. I”. Coleção Os Pensadores. São Paulo: Abril, 1979 (orig. século IV a.c.).

BRAGA, Ana Paula; OLIVEIRA, Ana Caroline Amorim; SILVA, Carla Rauliane Meireles; BRUSSIO, Josenildo Campos. Ciências Humanas e PIBID: Os desafios e resistência na inserção da lei 11. 645/08 no ensino fundamental, Iniciação & Formação Docente, v. 4, n. 2, 2017.

BORGES, Maria Célia; ALVES, Valéria Almeida; MARTINS, Sandra Eleutério Campos; CONDELES, José Fernando; ACRANI, Simone; JÚNIOR, Aílton Paulo de Oliveira; ZEULLI, Elizandra. A formação de professores na UFTM: o PIBID como experiência desafiadora. Revista Triângulo, v. 3, n. 2, p. 163-176, 2010.

BRASIL, Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacionais: Ciências Naturais. Brasília: MEC/SEF, 1998.

BRASIL. Ministério da Educação. Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. 2009-2013 - Relatório de gestão. Brasília, DF, 2013. Disponível em: https://www.capes.gov.br/images/stories/download/bolsas/2562014-relatrorio-DEB-2013- web.pdf>. Acesso em: 15 jul. 2018.

BRASIL. Ministério de Educação e Cultura. LDB - Lei nº 9394/96. Estabelece as diretrizes e bases da Educação Nacional. Brasília: MEC, 1996.

COSTA, Váldina Gonçalves da; FERREIRA, Bruno. O cinema na formação de professores: interfaces com o Pibid Química. Iniciação & Formação Docente, v. 3, n. 2, 2016.

FRACALANZA, Hilário; AMARAL, Ivan Amorosino do; GOUVEIA, Mariley Simões Flória. O ensino de ciências no primeiro grau. São Paulo: Atual, 1987.

FREIRE, Paulo. (1975). Educação como prática de liberdade. Rio de Janeiro: Paz e Terra. 148p.

GIORDAN, Marcelo. O papel da experimentação no ensino de Ciências. Química Nova na Escola, n. 10, p. 43-49, 1999.

JÓFILI, Zélia. Piaget, Vygotsky, Freire e a construção do conhecimento na escola.

Educação: Teorias e Práticas, v. 2, n. 2, p. 191-208, 2002.

LONGO, Vera Carolina Cambréa. Vamos jogar? Jogos como Recursos Didáticos No Ensino de Ciências e Biologia. 2012. Disponível em:< http://www.fcc.org.br/pesquisa/jsp/premioIncentivoEnsino/arquivo/textos/TextosFCC_35_V era_Carolina_Longo.pdf>. Acesso em: 03. Mar. 2017.

LOPES, Carlos Eduardo Alves; LISBOA, Joel Victor Reis; LIMA, Lília Cabral de; YAMAMOTO, Márcio Issamu; OLIVEIRA, Vitalino Garcia. A importância do PIBID na formação acadêmica dos graduandos em Letras Inglês – Uma experiência modificadora. Revista Itinerarius Reflectionis, v. 12, n. 1, 2016.

MASO, Marislei; FILGUEIRA, Ana Maria Falcão; SOUZA, Cássia Helena Barbosa. PIBID – Iniciação docente e reflexos no ambiente escolar subprojeto Ciências/FFCL. Iniciação & Formação Docente, v. 1, n. 12, 2014.

MIRANDA, Rosana Barroso. Aulas práticas em Ciências da Natureza: Fomentando o espírito investigador. 2007. Disponível em:< http://www.educacional.com.br/revista/0307/pdf/Ponto_Vista.pdf>. Acesso em: 05. mar. 2017.

NEVES, José Luís. Pesquisa qualitativa-características, usos e possibilidades. Caderno de Pesquisas em Administração, v. 1, n. 3, p. 1-5, 1996.

OLIVEIRA, Jane Raquel Silva de. Contribuições e abordagens das atividades experimentais no ensino de ciências: reunindo elementos para a prática docente. Acta Scientiae, v. 12, n. 1, p. 139- 153, 2010.

RAMOS, Luciana Bandeira da Costa; ROSA, Paulo Ricardo da Silva. O ensino de ciências: fatores intrínsecos e extrínsecos que limitam a realização de atividadesexperimentais pelo professor dos anos iniciais do Ensino Fundamental. Investigação em Ensino de Ciências, v. 13, n. 3, p. 299- 331, 2008.

REGINALDO, Carla Camargo; SHEID, Neusa John; GULLICH, Roque Ismael da Costa. O Ensino de Ciências e a Experimentação. 2012. Disponível em:

.Acesso em: 28. fev. 2017.

ROSITO, Berenice Alvares. O ensino de Ciências e a experimentação. In: MORAES, Roque. Construtivismo e ensino de ciências: reflexões epistemológicas. 3.ed. Porto Alegre: EDIPUCRS, p. 195-208, 2008.

SECRETARIA DE ESTADO DA EDUCAÇÃO DE MINAS GERAIS- SEE/MG. Currículo

Básico Comum – CBC, 52. Belo Horizonte, 2007.

SILVA, Vinícius Gomes da. A importância da experimentação no ensino de Química e Ciências. 2016. Disponível em: http://repositorio.unesp.br/bitstream/handle/11449/136634/000860513.pdf?sequence=1>.Acesso em: 28. fev.2017.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.