A REPRESENTAÇÃO SOCIAL DE PROFESSOR VEICULADA PELOS USUÁRIOS DO FACEBOOK

Messias Dieb, Gabriela de Aguiar Carvalho, Jamilley L. Vasconcelos

Resumo


Este artigo tem como objetivo descreveralguns aspectos da representação social sobreaprofissão de professor que é divulgada pelo Facebook. O texto toma como base teórica as proposições de Serge Moscovici (1978) sobre a formulação e divulgação de representações pelos agrupamentos sociais contemporâneos. Nesse sentido, realizamos a pesquisa a partir das redes sociais da internet, em especial as que se formaram nas fanpages:a) “Profissão Professor”, b) “Professor dá Depressão” e c) “Acorda Cidadão!”, todas ambientadas no Facebook. Para a produção de dados, realizamos entrevistas com os internautas que visitam e curtem essas fanpages, bem como analisamos o conteúdo de seus comentários sobre as imagens postadas acerca da profissão de professor. Os dados revelam que a representação social sobre o professor se refere àquele sujeito que trabalha exaustivamente, ganha pouco em relação ao que trabalha e, por isso, é alguém malsucedido na vida. Os dados permitem afirmar que essa representação se configura envolvendo os seguintes aspectos: 1) Ser professor não é visto como profissão; 2) Ser professor é símbolo de desprestígio social; 3) Ser professor é símbolo de um trabalho estressante; e, finalmente, 4) Ser professor é motivo de piada em relação ao que ganha.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18554/rt.v8i2.1551

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais



A Revista Triângulo é signatária da DECLARAÇÃO DO MÉXICO - Declaração Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomenda o uso da licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual (CC BY-NC -SA, em inglês) para garantir a proteção da produção acadêmica e científica regional em Acesso Aberto. 

Triangulo Journal is signatory of MEXICO DECLARATION - LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT Joint Declaration recommending the use of the license to ensure the protection of academic production and regional scientific research in Open Access.

La Revista Triangulo es signataria de la DECLARACIÓN DE MÉXICO - Declaración Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomienda el uso de la licencia Creative Commons Asignación-NoComercial-CompartirIgual (CC BY-NC -SA, en inglés) para garantizar la protección de la producción académica y científica regional en Acceso Abierto.