O CORPO NA ESCOLA: QUAL O SEU PAPEL?

Fabíola Teixiera Araujo Rios, Wagner Wey Moreira

Resumo


Pretendemos neste artigo desvelar aspectos relacionados aos significados do corpo ao longo da história da humanidade, bem como a importância da corporeidade e da motricidade no processo educativo partindo de alguns questionamentos: Como era a visão de corpo nos séculos passados? Como é na atualidade? A prática educativa na escola hoje confere quais significados ao corpo? Estes estão permeados pelos valores da concepção de objeto ou de sujeito? Como poderemos dar um novo valor ao corpo na prática educativa tendo como foco a corporeidade e a motricidade? Qual a definição que encontramos dos termos corpo/corporeidade e movimento / motricidade? Foi realizada uma pesquisa bibliográfica abordando autores como Moreira (1995), Simões (1998), Sérgio (2003), Nobrega (2010), Santin (2011) dentre outros estudiosos da área da corporeidade e motricidade.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18554/rt.v9i2.1870

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2016 Revista Triângulo