A psicanálise diante da pandemia de COVID-19: traumas, desafios e perspectivas

Autores

Palavras-chave:

COVID-19, Isolamento Social, Psicanálise

Resumo

Objetivo: conhecer a produção científica da psicanálise no contexto da pandemia de Covid-19 e, implicações e desafios oriundos dessa nova realidade. Método: revisão integrativa realizada em 2021, que teve como pergunta norteadora: Qual o papel da Psicanálise no contexto da pandemia da Covid-19, e como ela se propõe a lidar com os desafios e apresentar novas perspectivas para sua práxis? Elencou-se como bases de dados: Biblioteca Virtual em Saúde, Portal Eletrônico de Psicologia e, Scientific Electronic Library Online, com as interações nos seguintes descritores: COVID-19, psicanálise e isolamento social e, pulsão de morte, e os critérios do Critical Appraisal Skills Programme e de modo atemporal para seleção de artigos. Resultados: A busca mostrou 16 publicações, das quais se construiu três categorias: O trauma, a pulsão e a morte no contexto da pandemia (7 artigos); Os desafios para uma nova prática de atendimento psicanalítico (6 artigos); e, Perspectivas para um novo modelo de atendimento psicanalítico (3 artigos). Conclusão: As produções mostraram que a Psicanálise incorporou novas tecnologias para assim oferecer um modelo contemporâneo de intervenção através da escuta e também do olhar, mergulhando com profundidade na individualidade do ser humano, naqueles aspectos que fogem ao controle voluntário e consciente, de um fenômeno, que é crítico, possibilitando a superação, a menos em nível psíquico, desta pandemia.

Biografia do Autor

Luís Fernando de Resende Fontoura, Núcleo Brasileiro de Pesquisa Psicanalítica (NPP)

Bacharel em Direito. Cientista Social. Especialista em Direito Constitucional. Especialista em Direito Processual. Especialista em Direitos Humanos. Psicanalista. Pós-graduando em Psicanálise pelo Núcleo Brasileiro de Pesquisa Psicanalítica (NPP), São Paulo, SP

Araceli Albino, NPP

Psicóloga. Psicanalista. Especialista em Psicanálise e Linguagem. Especialista em Psicopatologia Psicanalítica e Contemporânea. Especialista em Psicoterapia. Doutora em Psicologia. Coordenadora do NPP, São Paulo, SP

Rodrigo Eurípedes da Silveira, NPP

Enfermeiro. Mestre em Ciências da Saúde. Doutor em Ciências. Aluno do curso de Formação em Psicanálise pelo NPP

Publicado

2022-06-01