Revista Triângulo https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo <p>A <em>Revista Triângulo</em> (ISSN 2175-1609) tem a missão de disseminar o conhecimento científico e incentivar debates acadêmicos nos campos de Fundamentos e das Metodologias Educacionais assim como das Políticas, dos Saberes e Práticas Educativas, da Formação de Professores e da Cultura Digital em interface com a Educação. </p> <p>The <em>Revista Triângulo</em> (ISSN 2175-1609) has the mission to disseminate scientific knowledge and encourage academic debates in the fields of the Fundamentals and Educational Methodologies, as well as the Policies, Knowledge and Educational Practice of Teacher Education Training and of Digital Culture in interface with Education.</p> <p>La <em>Revista Triângulo</em> (ISSN 2175-1609) es un periódico con la misión de difundir el conocimiento científico y fomentar los debates académicos en los campos de Bases y Metodologías Educativas, así como las Políticas, Conocimiento y Práctica Educativa, de la Formación Docente y de la Cultura Digital en la interfaz con la Educación. </p> Universidade Federal do Triângulo Mineiro pt-BR Revista Triângulo 2175-1609 <p>Autores que publicam nesta revista concordam com os seguintes termos: Autores mantém os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, com o trabalho simultaneamente licenciado sob a <a href="http://creativecommons.org/licenses/by/3.0/" target="_new">Licença Creative Commons Attribution </a>que permite o compartilhamento do trabalho com reconhecimento da autoria e publicação inicial nesta revista.</p> O SABER ARGUMENTATIVO NA FORMAÇÃO DOCENTE DURANTE A PANDEMIA DE COVID-19 https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5512 <p>Esta reflexão no formato de ensaio tem como objetivo descrever como a não exposição de argumentos e pontos de vistas interferem na formação dos professores. O tema foi levantado pelos autores em 2020, ano em que a pandemia gerou a necessidade da continuidade dos estudos de forma virtual. Neste processo de reflexão sobre as formações iniciais dos professores e conflitos advindo da migração das aulas presenciais para ambiente virtual, foi percebido quantas camadas existem na não-argumentação dos alunos em aula, desde possíveis processos de formação com pouco estímulo à argumentação, até questões sociais e emocionais como o fato de não terem equipamentos adequados, vergonha da sua condição doméstica; a falta de pacote de internet necessário para o acesso; e dificuldade na gestão do tempo e ansiedade.</p> Eliana Cristina Rosa Mayron Engel Rosa Santos Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-11-03 2021-11-03 14 3 66 73 10.18554/rt.v14i3.5512 DIVERSIFICAÇÃO DAS ESTRATÉGIAS NO ENSINO E APRENDIZAGEM DE CITOGENÉTICA https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5867 <p>O trabalho de Mendel com hibridização de ervilhas publicado em 1866, é considerado o nascimento científico da Genética, campo da Biologia que estuda a hereditariedade, a variação e a forma como os organismos transmitem as características de uma geração para a outra. Este relato de experiência docente apresenta a diversificação de estratégias no processo de ensino e aprendizagem de Citogenética e seu potencial na formação dos estudantes. Além de aulas teóricas dialogadas, aulas práticas e seminários, foi empregada a metodologia ativa de aprendizagem baseada em projeto (ABProj). Nesta metodologia os alunos assumem o protagonismo do processo de ensino e aprendizagem, atuando colaborativamente na elaboração e execução da proposta. Antes dos eventos, intitulados “Citogenética no Campus” e “Citogenética na Praça”, a equipe confeccionou modelos, jogos didáticos e planejou a intervenção, visando a popularização da Citogenética, com ênfase na compactação do DNA, divisão celular e relação entre DNA, genes e cromossomos. No planejamento e realização dos eventos, os discentes traçaram estratégias inovadoras e eficientes, com criatividade e organização. Como resultado, percebeu-se que esta diversificação de estratégias foi efetiva na aprendizagem significativa de Citogenética pela turma, que teve a oportunidade de experimentar alguns dos desafios que irão enfrentar como profissionais de Ciências Biológicas.</p> Luciana Aguilar-Aleixo Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-10-22 2021-10-22 14 3 1 20 10.18554/rt.v14i3.5867 AS ESTRATÉGIAS DE ENSINO NA PRÁTICA PEDAGÓGICA DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA: https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5715 <p>Para que os docentes possam colocar em prática um ensino que desperte habilidades e pensamento crítico, é necessário que o mesmo lance um olhar sobre a sua prática pedagógica, e que utilize diferentes estratégias de ensino, que estimulem o questionamento, o pensamento crítico, a argumentação, a reflexão e a tomada de decisão, como o enfoque Ciência, Tecnologia e Sociedade (CTS). Esse estudo objetivou analisar as estratégias de ensino empregadas na prática pedagógica de professores da educação básica, a partir da Educação CTS. Participaram 23 docentes, de diferentes áreas do conhecimento, do Ensino Fundamental e Médio, de uma escola pública estadual de Santa Maria/RS. Para a coleta de dados foi elaborado um questionário, e as respostas interpretadas a partir da Análise de Conteúdo. Os resultados apontaram que as relações entre ciência e sociedade assumem diferentes características, posicionamentos e abordagens. E grande parte dos docentes tem conhecimento e formação sobre a abordagem CTS, entretanto, evidenciou-se uma concepção equivocada, associando a abordagem CTS com utilização de TICs. Os docentes utilizam estratégias de ensino diversificadas, que permitem uma maior participação, formação crítica, e desenvolvimento da tomada de decisão dos estudantes, visando a melhoria do processo ensino-aprendizagem.</p> Vanessa Candito Karla Mendonça Menezes Carolina Braz Carlan Rodrigues Sandra Mara Mezalira Maria Rosa Chitolina Schetinger Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-10-29 2021-10-29 14 3 21 41 10.18554/rt.v14i3.5715 PANDEMIA DE COVID19 E O ENSINO REMOTO EMERGENCIAL: ANÁLISE DO AUMENTO DE SOLICITAÇÕES DE TRANCAMENTO DE MATRÍCULA EM UMA INSTITUIÇÃO FEDERAL https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5712 Este artigo discute resultados parciais da análise de trancamentos de matrículas em um Câmpus da Rede Federal durante o primeiro ano da Pandemia Covid-19. Trata-se de uma pesquisa quanti-qualitativa, que fez uso dos dados de solicitações feitas por meio do sistema Secretaria Online. Foram analisadas 154 solicitações de trancamento que evidenciaram o aumento de 71,11% em comparação com o ano anterior. Em uma segunda etapa, foram separadas e analisadas 62 requisições que descreviam os motivos entre duas macro-categorias sugeridas pelos autores: Ensino Remoto Emergencial e Pandemia. Esta etapa permitiu identificar os impactos causados pela pandemia na vida pessoal que se relacionam com a evasão escolar. A análise também permitiu observar a relação direta entre o aumento do número de solicitações e a implantação do Ensino Remoto Emergencial. O abandono escolar já era uma problemática presente no campo da educação, porém o fenômeno Covid-19 repercutiu nas relações escolares, derivando novas formas de interação educacional, e sobretudo, acarretando o aumento de casos de evasão. Assim, este estudo tem como objetivo analisar as possíveis causas da evasão escolar em tempos de pandemia, no intuito subsidiar e ampliar o debate sobre os desafios impostos e possíveis intervenções que visem minimizar estes impactos. Fernando Mendes Tiago Andreia de Almeida Marcelle Christiane Gomes do Nascimento Barros Rita Schlinz Rivaldo Sampaio de Oliveira Junior Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-11-03 2021-11-03 14 3 42 65 10.18554/rt.v14i3.5712 O ENSINO DE CIÊNCIAS E BIOLOGIA NA BASE NACIONAL COMUM CURRICULAR: UMA ANÁLISE A PARTIR DOS PRESSUPOSTOS TEÓRICOS DA EDUCAÇÃO CTS https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5554 <p>A Educação Ciência, Tecnologia e Sociedade (ECTS) é uma vertente indicada para o desenvolvimento da Educação Científica, que por sua vez, apresenta uma multiplicidade de encaminhamentos para sua abordagem no ensino de Ciências. Mediante os pressupostos teóricos da ECTS, este trabalho apresenta uma análise da Base Nacional Comum Curricular (BNCC) tendo o seguinte questionamento orientador: Como a Educação Científica vem sendo expressa pelo documento da BNCC? Considera-se que este estudo possibilitará indicar os fundamentos didáticos-pedagógicos que orientam o processo de ensino-aprendizagem de Ciências no Ensino Fundamental e Biologia no Ensino Médio. Sendo assim, objetivou-se identificar e correlacionar os encaminhamentos do documento para o ensino de Ciências e Biologia mediante os pressupostos da (ECTS). Utilizou-se a Análise Textual Discursiva, para dar suporte ao tratamento dos dados estabelecendo categorias preliminares de análise, sendo elas: i) Inter-relações CTS; ii) Natureza da Ciência e do Trabalho Científico; e a iii) Formação Cidadã. As análises indicam que, mesmo sendo expressos encaminhamentos evidentes para a ECTS, também se encontram discursos voltados à formação profissionalizante por meio de um conjunto de competências e habilidades que os estudantes devem ter adquirido ao concluir a Educação Básica.</p> Lucas Manoel Lima Santos Karolina Martins Almeida e Silva Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-11-23 2021-11-23 14 3 94 112 A ADOÇÃO DA EDUCAÇÃO A DISTÂNCIA EM CURSOS SUPERIORES PRESENCIAIS DA ÁREA DE COMPUTAÇÃO COMO INDUTORA DE UMA CULTURA COLABORATIVA NO IFTM https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5800 <p>A lei que criou a Rede de Educação Profissional e Tecnológica orienta que exista interatividade entre as 41 instituições que a compõem, de modo que essas instituições devem se comportar, do ponto de vista de sua gestão, não como um agrupamento, mas em sua forma colaborativa e inter-relacional. Porém, o que impera é a pouca interação entre os campi do IFTM. Este trabalho se dedica a demonstrar essa interatividade reduzida, por meio de uma proposta de unificação de unidades curriculares presenciais em unidades curriculares ministradas a distância. A pesquisa provou suas três hipóteses: a unificação de oito disciplinas oferecidas, presencialmente, por uma única disciplina a distância é uma decisão institucional que libera docentes para atuarem em outros planejamentos; a pouca coordenação realizada pela reitoria nos estudos desenvolvidos em seus campi produz uma cultura institucional de pouca colaboração e interatividade entre cada campus do IFTM; e, para assegurar a interação colaborativa prevista na lei de criação dos institutos, a Pró-Reitoria de ensino do IFTM deveria mudar seu paradigma de mera certificadora de projetos de curso, para um de gestora de planejamento colaborativo desses projetos.</p> Marco Antonio Maciel Pereira Stenio Souza Marques Richard Crisostomo Borges Maciel Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-12-21 2021-12-21 14 3 123 141 PRESSUPOSTOS FREIRIANOS E ABORDAGENS CURRICULARES NA EDUCAÇÃO EM CIÊNCIAS E BIOLOGIA NA EJA: AS RELAÇÕES PRESENTES NA PRODUÇÃO ACADÊMICA BRASILEIRA (2000-2019) https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5705 <p>Na perspectiva de marginalização da constituição histórica da modalidade, a Educação de Jovens e Adultos (EJA) vem se engendrando como um fecundo campo de pesquisa na área educacional nas últimas décadas. Este artigo apresenta um estudo de revisão que objetiva realizar o levantamento de dissertações e teses desenvolvidas entre 2000 e 2019 para analisar de que forma estas produções utilizam as ideias freirianas no desenvolvimento das pesquisas que tenham como objeto o currículo de Ciências/Biologia na EJA. As produções analisadas trazem indícios do uso da <em>epistemologia</em> freiriana nas pesquisas que envolvem o currículo da EJA, inclusive o de Ciências/Biologia para a modalidade. Destacam-se nas produções pressupostos freirianos como o <em>diálogo</em>, os <em>temas geradores</em> e o <em>saber de experiência feito</em>. Todavia, é preciso considerar suas formas de apropriação<em> </em>a fim de não contribuir para o reprodutivismo teórico de Freire nas produções acadêmicas.</p> Renato Antônio Ribeiro Simone Sendin Moreira Guimarães Rones de Deus Paranhos Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-12-27 2021-12-27 14 3 142 163 10.18554/rt.v14i3.5705 UTILIZAÇÃO DO SIMULADOR PHET COLORADO PARA AULAS DE QUÍMICA: https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5546 <p lang="en-US" align="justify"><span style="color: #000000;"><span style="font-family: 'Times New Roman', serif;"><span style="font-size: medium;"><span lang="pt-BR"><span>Diante do contexto educacional atual, o uso de simuladores é uma saída para a dinamicidade das aulas online, em formato remoto. Com o intuito de tornar o estudo investigativo, desenvolveu-se, no Componente Curricular Regular (CCR) de Tecnologias da Informação e Comunicação no Ensino de Ciências e Química (TIC), um guia de atividades utilizando o simulador PhET Colorado para ser aplicado em um ambiente de sala de aula virtual e/ou presencial. Escolheu-se para a elaboração do guia o conteúdo químico sobre Produtos, Reagentes e Excessos, o qual os demais colegas da turma responderam, entre eles, alunos de Química e Física, ambos os cursos de licenciatura utilizando a técnica P.O.E (Predizer, Observar e Explicar). A partir das respostas obtidas nos guias enviados e também pela análise através da Teoria da Mediação Cognitiva – TMC, observamos mudanças de alguns </span></span></span></span></span><span style="color: #000000;"><span style="font-family: 'Times New Roman', serif;"><span style="font-size: medium;"><span lang="pt-BR"><em><span>drives</span></em></span></span></span></span><span style="color: #000000;"><span style="font-family: 'Times New Roman', serif;"><span style="font-size: medium;"><span lang="pt-BR"><span> por parte dos licenciandos, o que concretiza o P.O.E e também enfatiza a autonomia discente por meio de simulações.</span></span></span></span></span></p> Aléxia Birck Fröhlich Graciela Paz Meggiolaro Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-12-01 2021-12-01 14 3 113 122 10.18554/rt.v14i3.5546 TRAJETÓRIAS DE VIDA E DESAFIOS PROFISSIONAIS DO PROFESSOR DE EJA (EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS) E PMEA (PROGRAMA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS): UM ESTUDO DE CASO https://seer.uftm.edu.br/revistaeletronica/index.php/revistatriangulo/article/view/5490 <p>O presente trabalho resulta de um estudo sobre o perfil e a trajetória profissional de professores (as) na Educação de Jovens e Adultos (EJA) e no Programa Municipal de Educação de Jovens e Adultos (PMEA) de uma escola municipal em Uberlândia-MG. O estudo foi desenvolvido a partir do enfoque qualitativo, utilizando a entrevista semiestruturada como instrumento de coleta de dados. Para análise e organização dos dados empregamos a técnica da análise de conteúdo, sendo antecedida pela transcrição das conversas. Os resultados foram analisados e discutidos à luz do referencial teórico adotado. Os participantes do estudo possuem entre 41 e 52 anos, com formação acadêmica em diferentes áreas. Além da escola investigada, alguns deles lecionam também em outras escolas. Todos eles revelaram dificuldades particulares do ensino na EJA/PMEA, mas também demonstraram várias técnicas utilizadas para superar esses desafios. Todos os entrevistados relataram o quão gratificante e enriquecedor é para eles o processo de ensino aprendizagem dos estudantes jovens e adultos.</p> Lorraine Caroline dos Reis Pizani Francielle Amâncio Pereira Copyright (c) 2021 Revista Triângulo https://creativecommons.org/licenses/by-nd/4.0 2021-11-03 2021-11-03 14 3 74 93 10.18554/rt.v14i3.5490