Residência multiprofissional em saúde: percepções de residentes, preceptores e tutores

Diane Coelho Pereira, Karina Piccin Zanni, José Henrique da Silva Cunha

Resumo


O presente estudo teve como objetivo descrever a percepção dos tutores, preceptores e residentes sobre a experiência vivenciada no programa de Residência Integrada Multiprofissional em Saúde da Universidade Federal do Triângulo Mineiro (RIMS-UFTM), no que se refere à formação e qualificação profissional. Trata-se de uma pesquisa descritiva e exploratória com abordagem qualitativa, realizada em 2015. Os dados foram coletados por meio de entrevista semiestruturada e interpretados seguindo a análise de conteúdo temática. Emergiram as categorias: “Interesses e motivações pela RIMS – UFTM”; “Ações desenvolvidas pelos residentes, preceptores e tutores”; “A RIMS-UFTM como cenário de prática do trabalho em equipe” e “Sugestões para melhorias do programa”. Verificou-se que as experiências vivenciadas nesse programa foram vistas como uma oportunidade para ampliar o conhecimento teórico-prático profissional, acrescer o contato e aprendizado com os profissionais de diversas categorias e colaborar para mudanças no modelo de atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde.


Palavras-chave


Avaliação de programas e projetos de saúde; Capacitação de recursos humanos em saúde; Equipe de assistência ao paciente; Internato não médico

Referências


REFERÊNCIAS

Presidência da República (Brasil). Lei nº. 11.129, de 30 de junho de 2005. Institui o Programa Nacional de Inclusão de Jovens – ProJovem; cria o Conselho Nacional da Juventude – CNJ e a Secretaria Nacional de Juventude; altera as Leis nº 10.683, de 28 de maio de 2003, e 10.429, de 24 de abril de 2002; e dá outras providências [Internet]. D.O.U., Brasília, DF, 01 jul 2005 [citado em 25 ago 2017]. Disponível em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2004-2006/2005/Lei/L11129.htm

Ministério da Educação (Brasil). Comissão Nacional de Residência Multiprofissional em Saúde (Brasil). Resolução CNRMS nº2, de 13 de abril de 2012. Dispõe sobre Diretrizes Gerais para os Programas de Residência Multiprofissional e em Profissional de Saúde [Internet]. D.O.U., Brasília, DF, 26 abr 2012 [citado em 25 ago 2017]. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_docman&view=download&alias=15448-resol-cnrms-n2-13abril-2012&Itemid=30192

Ceccim RB. Educação permanente em saúde: descentralização e disseminação de capacidade pedagógica na saúde. Ciênc Saúde Colet. [Internet]. 2005 [citado em 25 ago 2017]; 10(4): 975-86. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/csc/v10n4/a20v10n4.pdf DOI: http://dx.doi.org/10.1590/S1413-81232005000400020

Ministério da Saúde (Br), Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Departamento de Gestão da Educação na Saúde. Residência multiprofissional em saúde: experiências, avanços e desafios [Internet]. Brasília, DF: Ministério da Educação; 2006 [citado em 25 ago 2017]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/bvs/publicacoes/residencia_multiprofissional.pdf

Silva CT, Terra MG, Kruse MHL, Camponogara S, Xavier MS. Residência multiprofissional como espaço intercessor para a educação permamente. Texto & Contexto Enferm. [Internet]. 2016 [citado em 25 ago 2017]; 25(1):1-9. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/tce/v25n1/0104-0707-tce-25-01-2760014.pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/0104-0707201600002760014

Peduzzi M, Norman IJ, Germani ACCG, Silva JAM, Souza GC. Interprofessional education: training for healthcare professionals for teamwork focusing on users. Rev Esc Enferm USP. [Internet]. 2013 [citado em 25 mar 2017]; 47(4):973-9. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reeusp/v47n4/en_0080-6234-reeusp-47-4-0977.pdf

Miranda Neto MV, Leonello VM, Oliveira MAC. Multiprofessional residency in health: a document analysis of political pedagogical projects. Rev Bras Enferm. [Internet]. 2015 [citado em 25 ago 2017]; 68(4):586-93. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/reben/v68n4/en_0034-7167-reben-68-04-0586.pdf http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167.2015680403i

Fontanella BJB, Ricas J, Turato ER. Amostragem por saturação em pesquisas qualitativas em saúde: contribuições teóricas. Cad Saúde Pública. 2008; 24(1):17-27.

Minayo MCS. O desafio do conhecimento: pesquisa qualitativa em saúde. São Paulo: Hucitec; 2014.

Gomes PB. O significado e a motivação do trabalho para estagiários [Internet]. [Trabalho de conclusão de curso]. Brasília, DF: Escola Nacional de Administração Pública; 2014 [citado em 25 ago 2017]. 43p. Disponível em: http://repositorio.enap.gov.br/bitstream/1/2660/1/O%20significado%20e%20a%20motiva%C3%A7%C3%A3o%20do%20trabalho%20para%20estagi%C3%A1rios.pdf

Giongo CR, Monteiro JK, Sobrosa GMR. Psicodinâmica do trabalho no Brasil: revisão sistemática da literatura [editorial]. Temas psicol. [Internet]. 2015 [citado em 25 ago 2017]; 23(4):803-14. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/pdf/tp/v23n4/v23n4a01.pdf DOI: http://dx.doi.org/10.9788/TP2015.4-01

Silva JC, Contim D, Ohl RIB, Chavaglia SRR, Amaral EMS. Percepção dos residentes sobre sua atuação no programa de residência multiprofissional. Acta Paul Enferm. [Internet] 2015 [citado em 25 ago 2017]; 28(2):132-8. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/ape/v28n2/1982-0194-ape-28-02-0132.pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1982-0194201500023

Loren RH. Papel do preceptor na residência multiprofissional: experiência da fisioterapia [Internet]. [Trabalho de conclusão de curso]. Porto Alegre: Universidade do Rio Grande do Sul - UFRGS; 2010 [citado em 25 ago 2017]. Disponível em: http://www.lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/32960/000760548.pdf?sequence=1

Ribeiro KRB, Prado ML. A prática educativa dos preceptores nas residências em saúde: um estudo de reflexão. Rev Gaúch Enferm. [Internet]. 2013 [citado em 25 ago 2017]; 35(1):161-5. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/rgenf/v35n1/pt_1983-1447-rgenf-35-01-00161.pdf. DOI: http://dx.doi.org/10.1590/1983-1447.2014.01.43731

Botti SHO. Desenvolvendo as competências profissionais dos residentes. Rev. HUPE. [Internet]. 2012 [citado em 25 ago 2017]; 11(1):102-5. Disponível em: http://revista.hupe.uerj.br/detalhe_artigo.asp?id=317

Parente JRF, Dias MSA, Chagas MIO, Craveiro MVA. Trajetória da residência multiprofissional em saúde da família de Sobral. In: Ministério da Saúde (Br), Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Departamento de Gestão da Educação na Saúde. Residência multiprofissional em saúde: experiências, avanços e desafios. Brasília, DF: Ministério da Saúde; 2006. p. 81-96.

Mccaffrey RG, Hayes R, Stuart W, Cassel A, Farrell C, Miller-Reyes S, et al. An educational program to promote positive communication and collaboration between nurses and medical staff. J. Nurses Staff Dev. [Internet]. 2011 [citado em 25 ago 2017]; 27(3):121-7. Disponível em: https://insights.ovid.com/crossref?an=00124645-201105000-00004 DOI: http://dx.doi.org/ 10.1097/NND.0b013e318217b3ce

Aase I, Hansen BS, Aese K. Norwegian nursing and medical students’ perception of interprofessional teamwork: a qualitative study. BMC Med Educ. [Internet]. 2014 [citado em 25 ago 2017]; 14(170):1-9. Disponível em: https://bmcmededuc.biomedcentral.com/track/pdf/10.1186/1472-6920-14-170. DOI: https://doi.org/10.1186/1472-6920-14-170

Bunniss S, Kelly DR. The unknown becomes the known’: collective learning and change in primary care teams. BMC Med Educ. [Internet]. 2008 [citado em 25 ago 2017]; 42(12):1185-94. Disponível em: https://onlinelibrary.wiley.com/doi/epdf/10.1111/j.1365-2923.2008.03159.x. DOI: https://doi.org/10.1111/j.1365-2923.2008.03159.x

Relatório da oficina: Desafios e perspectivas das residências em saúde coletiva: RMPS e residências multiprofissionais em saúde coletiva. In: IX Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva [Internet]; 2009; Recife. Recife: ABRASCO; 2009 [citado em 20 ago 2015]. Disponível em: www.saudecoletiva2009.com.br/oficinas/RELAT%D3RIO%20OFICINA_Resid%EAncias%20Multiprofissionais.pdf

Ministério da Saúde (Br), Secretaria de Gestão do Trabalho e da Educação na Saúde, Departamento de Gestão da Educação na Saúde. Relatório de atividades da comissão nacional de residência multiprofissional em saúde – CNRMS: exercício 2007/2009 [Internet]. Brasília, DF: Ministério da Saúde; 2009 [citado em 25 ago 2017]. Disponível em: http://www.sbfa.org.br/portal/pdf/Relatorio%20Atividades%20CNRMS%202007%202009.pdf

Brunholi GN. Caminhando pelo fio da história: a residência multiprofissional em saúde nos espaços de construção da política de formação de trabalhadores para o SUS [Internet]. [Dissertação]. Vitória: Universidade Federal do Espírito Santo - UFE; 2013 [citado em 25 ago 2017]. Disponível em: http://repositorio.ufes.br/bitstream/10/1284/1/Dissertacao%20Gislene%20do%20Nascimento%20Brunholi.pdf

Mioto RCT, Alves FL, Caetano OS, Prá KRD. As residências multiprofissionais em saúde: a experiência da Universidade Federal de Santa Catarina. Serv Soc Saúde [Internet]. 2012 [citado em 25 ago 2017]; 2(14):185-208. Disponível em: https://periodicos.sbu.unicamp.br/ojs/index.php/sss/article/view/8635288. DOI: http://dx.doi.org/10.20396/sss.v11i2.8635288




DOI: https://doi.org/10.18554/refacs.v7i2.2348

Apontamentos

  • Não há apontamentos.