Sobre a Revista

Foco e Escopo

MISSÃO DA REVISTA

Divulgar pesquisas e outras modalidades de artigos relacionadas à saúde com interface às ciências sociais e humanas.

 

POLÍTICA EDITORIAL

A Revista Família, Ciclos de Vida e Saúde no Contexto Social (REFACS) é um periódico de acesso aberto desde 2013, e publica no formato trilíngue (português, inglês e espanhol) prioritariamente artigos destinados à divulgação de resultados de artigos originais, revisão (sistemática, integrativa), reflexão, relato de experiência, atualização, estudo de caso, debates, e comunicação breve. A REFACS é uma publicação trimestral e pode ter números temáticos e suplementos. Os manuscritos recebidos serão avaliados por pares (revisão duplo cega - double blind review), não sendo permitida sua apresentação simultânea em outros periódicos. É publicada apenas no formato online, e seus conteúdos estão sob licença da Creative Commons (CC-BY) Atribuição 4.0 Internacional.

 

Este periódico segue o Code of Conduct and Best Practice Guidelines for Journal Editors - COPE, a Declaração de Singapura e de Hong Kong sobre integridade em pesquisa e adota a normalização dos “Requisitos Uniformes para manuscritos apresentados a periódicos biomédicos” (Estilo Vancouver).

 

A revista adotará mecanismos de verificação de plágio e autoplágio. A REFACS condena o plágio e o autoplágio e desencoraja fortemente a submissão de artigos multipartes e resultados parciais de uma mesma pesquisa, bem como a submissão de artigos cujos dados foram coletados há mais de 5 anos e revisão cuja busca tenha sido realizada há mais de um ano.

 

O conteúdo apresentado nos artigos publicados, ideias ou opiniões, assim como a procedência e a conformidade das citações são de inteira responsabilidade dos autores.

 

A revista adota como ferramenta de preservação digital do conteúdo o sistema LOCKSS (Lots of Copies Keep Stuff Safe).

 

A REFACS publica manuscritos divulgados em repositórios Preprints nacionais e internacionais, reconhecidos pela comunidade acadêmica. A informação de que o texto é um Preprint deve vir na página de título, acompanhado do DOI (Digital Object Identifier) e do nome do servidor em que se encontra depositado.

 

Estudos do tipo Ensaio Clínico deverão apresentar o número de registro de Ensaios Clínicos, nos Provedores de Dados da Plataforma Internacional de Registros de Ensaios Clínicos da Organização Mundial da Saúde (ICTRP) ou no Registro Brasileiro de Ensaios Clínicos (ReBEC) ou outros semelhantes antes da seleção dos participantes da pesquisa. Os estudos do tipo Revisão Sistemática devem ser registrados antes do início dos procedimentos de aplicação dos critérios de elegibilidade no banco de dados PROSPERO (Registro Internacional Prospectivo de Revisões Sistemáticas). Em ambos os casos, o número de registro e nome da base de dados e sigla (Ensaios Clínicos) devem contar no final do resumo do artigo e na seção Método.

Processo de Avaliação pelos Pares

Os manuscritos submetidos à REFACS são avaliados primeiramente pelo editor de seção para verificação do cumprimento das normas da revista. Em seguida, são encaminhados para a fase de revisão por pares, na qual, no mínimo, dois pareceristas emitirão os pareceres, que então passarão pela revisão e aprovação dos editores. Em caso de divergências entre os revisores, será requisitada a avaliação do manuscrito por um terceiro revisor, para assim fundamentar a decisão editorial final, de acordo com o fluxo de trabalho descrito a seguir:

1. Avaliação do check-list pelos editores de seção quanto à adequação as normas da revista;

2.  O editor designa o manuscrito para os revisores;

3. O sistema de avaliação é duplo-cego, na qual, os revisores emitem o peer review (parecer), que será usado pelo editor para a aprovação ou não do manuscrito. No caso de conflito entre os pareceristas será convocado um terceiro avaliador;

4. Comentários e pedidos de correções feitos pelos avaliadores serão encaminhados ao autor correspondente;

5. Após as correções serem feitas o autor correspondente encaminha a versão revisada do manuscrito que será encaminhada para os revisores para a emissão do parecer final;

6. As sugestões dos revisores e as consequentes respostas dos autores serão analisadas pelo editor chefe, para a emissão da decisão final e posterior encaminhamento da decisão aos autores. Mínimas adequações para melhorar a leitura e fluência do manuscrito pelos editores poderão ser feitas e, na não aceitação por parte dos autores, caberá ao Editor-Chefe a decisão final em definir ou não a publicação;

7. Após o manuscrito ser aceito, o mesmo é enviado para iniciar o processo de edição, pela qual passa primeiramente pela revisão da Língua Portuguesa, com posterior envio aos tradutores de língua Inglesa e Espanhola;

8. Após a tradução, é realizada a diagramação prévia do manuscrito, sendo enviado ao autor para análise e conferência da tradução e organização de tabelas, figuras, imagens e formatação geral e aprovação da versão final a ser publicada;

9. A versão final do manuscrito passa pela aprovação do Editor-Chefe e é encaminhada para publicação no sistema da revista.

 

Observação Importante: Não há taxa de submissão ou publicação, somente taxas referentes à correção da língua portuguesa e tradução para o inglês e espanhol.

Periodicidade

A REFACS possui periodicidade trimestral de publicações (4 edições/ano).

Política de Acesso Livre

Esta revista oferece acesso livre imediato ao seu conteúdo, seguindo o princípio de que disponibilizar gratuitamente o conhecimento científico ao público proporciona maior democratização mundial do conhecimento. A revista não cobra taxas para submissão e/ou processamento e/ou publicação no processamento dos artigos.

Taxas para autores

A REFACS não cobra taxa de submissão do manuscrito nem taxa de publicação de artigos aprovados.

Após a aprovação do manuscrito, a empresa credenciada junto a REFACS entrará em contato com os autores para informar o custo da revisão ortográfica e tradução para as versões inglês e espanhol do mesmo, condição esta obrigatória para publicação.