Possíveis influências na sexualidade de universitários da área de saúde

Autores

  • Rodrigo Eurípedes da Silveira
  • Álvaro da Silva Santos
  • Maritza Rodrigues Borges

DOI:

https://doi.org/10.18554/refacs.v2i2.1169

Palavras-chave:

Sexualidade, Adolescente, Satisfação pessoal, Estudantes de Ciências da Saúde

Resumo

O presente estudo tem como objetivo descrever as possíveis influências de bebidas alcoólicas, religião, pais e universidade na sexualidade e a satisfação com aspectos de vida de ingressantes em cursos de graduação da área da saúde. De corte descritivo e exploratório e com amostragem de conveniência, foram incluídos 786 estudantes, dos quais 79,3% eram do sexo feminino, com idade média de 19,2±3,1 anos. Para os acadêmicos, o uso de bebidas alcoólicas (96,6%) e o ingresso na universidade (50,4%) estimulavam a sexualidade e 54,3% dos jovens estavam satisfeitos com a universidade. Questiona-se a influência da universidade neste contexto e, as implicações nas condutas de saúde dos estudantes em sua prática futura. 

Edição

Seção

Artigos originais