SAÚDE, FORÇA E ALEGRIA: OS PELOTÕES DE SAÚDE E AS CRUZADAS HIGIENISTAS EM TEMPOS DE NACIONALISMO (1941-1953)

Michele Metelski, Celso João Carminati

Resumo


Este trabalho apresenta a história dos pelotões da saúde constituídos em escolas de Santa Catarina a partir do ano de 1941. Baseado em documentos significativos, tais como atas, relatórios anuais, relatórios mensais e reuniões pedagógicas encontrados no Arquivo Público do Estado de Santa Catarina, apresenta o lugar das escolas e as campanhas voltadas às crianças de escolas primárias. Destaca a criação desses pelotões, que faziam parte das associações auxiliares das escolas estaduais, inicialmente presentes em 75 delas, como grupos escolares, escolas mistas municipais, isoladas, mistas, municipais, estaduais, escolas mistas desdobradas, escolas femininas estaduais, colégios particulares e escolas públicas estaduais. Campanhas de saúde foram promovidas; como as escolas passaram a ser um espaço de divulgação, formação e consolidação de hábitos, certamente contribuiriam para a disseminação de informações e orientações que alcançariam toda a família. O controle dos hábitos saudáveis ao corpo era condição fundamental para a formação de civilidades e valores para a disseminação de novas práticas higienistas.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.18554/rt.v0i0.2543

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2018 Revista Triângulo

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - Não comercial - Sem derivações 4.0 Internacional.

A Revista Triângulo é signatária da DECLARAÇÃO DO MÉXICO - Declaração Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomenda o uso da licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual (CC BY-NC -SA, em inglês) para garantir a proteção da produção acadêmica e científica regional em Acesso Aberto. 

Triangulo Journal is signatory of MEXICO DECLARATION - LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT Joint Declaration recommending the use of the license to ensure the protection of academic production and regional scientific research in Open Access.

La Revista Triangulo es signataria de la DECLARACIÓN DE MÉXICO - Declaración Conjunta LATINDEX-REDALYC-CLACSO-IBICT que recomienda el uso de la licencia Creative Commons Asignación-NoComercial-CompartirIgual (CC BY-NC -SA, en inglés) para garantizar la protección de la producción académica y científica regional en Acceso Abierto.