CONDIÇÕES DE SAÚDE E TRABALHO E EXPOSIÇÃO À VIOLÊNCIA NO TRÂNSITO ENTRE MOTOTAXISTAS

Getúlio Freitas de Paula, Fernanda Carolina Camargo, Helena Hemiko Iwamoto

Resumo


Objetivo: caracterizar perfil, condições de trabalho dos mototaxistas e identificar fatores associados para ocorrência de violências no transito. Método: Estudo transversal analítico por questionário estruturado sobre aspectos sociodemograficos, laborais, condições de saúde e exposição às violências. Padrão de consumo de álcool foi identificado por Alcohol Use Disorders Identification Test. Associações estabeleceram-se por teste Qui-quadrado (χ2). Resultados: Dos 148 participantes, maioria eram homens (95,9%), 21 a 40 anos (59,5%), até ensino médio completo (92,6%); solteiros (52,1%); com pelo menos um filho (68,2%). Apresentaram associação significativa (p<0,10) para exposição aos acidentes de transito: frequência alimentar, horas de trabalho por dia, problemas de saúde e recebimento de multa. Sobre consumo de álcool 3,4% fazem uso de alto risco ou provável dependência. Conclusão: De forma geral, as iniciativas para controle dos acidentes e violências no transito devem considerar a redução dos riscos ocupacionais e melhoria das condições de saúde desses trabalhadores.

Texto completo:

PDF

Referências


World Health Organization (WHO). Global status report on road safety 2013:supporting a decade of action. [internet] Luxembourg: 2013; [acesso em: 10 maio 2014]. Disponível em: http://www.un.org/en/roadsafety/report.shtml

Bacchieri G, Barros A. J. D. Traffic accidents in Brazil from 1998 to 2010: many changes and few effects. Rev Saúde Pública [internet]. 2011; [acesso em: 21 jan 2014]; 45(5): 949–963. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-89102011000500017&script=sci_abstract

Silva DW, Andrade SM, Soares DA, Soares DFPP, Mathias TAF. Perfil do trabalho e acidentes de trânsito entre motociclistas de entregas em dois municípios de médio porte do Estado do Paraná, Brasil. Cad Saúde Pública [internet]. 2008; [acesso em: 21 mar 2014]; 24(11):2643-2652. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-311X2008001100019&script=sci_abstract&tlng=pt

Fontana RT, Silva MB, Oliveira Mb. Atividade do mototaxista: riscos e fragilidades autorreferidos. Rev Bras Enferm [internet]. 2011; [ acesso em: 02 mar 2013]; 64(6): 1048-55. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0034-71672011000600010&script=sci_arttext

Soares DFPP, Mathias TAF, Silva DW, Andrade SM. Motociclistas de entrega: algumas características dos acidentes de trânsito na Região Sul do Brasil. Rev Bras Epidemiol [internet]. 2011; [acesso em: 11 ago 2013]; 14 (3): 435-44. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1415-790X2011000300008

Timóteo AGV. A luta diária dos mototaxistas em Campina Grande-PB. Iluminuras [ internet]. 2013; [acesso em: 13 mar 2014]; 14(33):184-95. Disponível em: http://seer.ufrgs.br/iluminuras/article/view/42353

Lei 12.009, de 29 de julho de 2009 (BR). Regulamenta o exercicio das atividades dos profissionais em transporte de passageiros, “mototaxista”, em entrega de mercadorias e em servico comunitario de rua, e “motoboy”, com o uso de motocicleta. Diário Oficial [internet], Brasília (DF), 2009 [acesso em: 20 abr 2012]. Disponivel em: http://www.planalto.gov.br/ccivil_03/_Ato2007-2010/2009/Lei/L12009.ht.m

Oliveira NLB, Sousa RMC. Fatores associados ao óbito de motociclistas nas ocorrências de trânsito. Rev Esc Enferm USP [internet]. 2012; [ acesso em: 07 abr 2015]; 46(6):1379-86. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0080-62342012000600014

Amorim CR, Araujo EM, Araujo TM, Oliveira NF. Acidentes de trabalho com mototaxistas. Rev bras epidemiol [internet]. 2012; [acesso em: 17 nov 2014]; 15(1): 25-37. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1415-790X2012000100003&script=sci_arttext

Teixeira JRB, Boery EN, Casotti CA, Araújo TM, Pereira R, Ribeiro IJS et al. Associação entre aspectos psicossociais do trabalho e qualidade de vida de mototaxistas. Cad Saúde Pública [internet]. 2015; [acesso em:05 abr 2015]; 31(1):97-110. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S0102-311X2015000100097&script=sci_arttext

Camargo FC, Iwamoto HH. Vítimas fatais e anos de vida perdidos por acidentes de trânsito em Minas Gerais, Brasil. Esc Anna Nery [internet]. 2012; [acesso em: 14 mar 2014]; 16(1):141-146.Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1414-81452012000100019&script=sci_arttext

Diniz EPH, Assunção AA, Lima FPA. Prevenção de acidentes: o reconhecimento das estratégias operatórias dos motociclistas profissionais como base para a negociação de acordo coletivo. Ciênc Saúde Coletiva [internet]. 2005; [acesso em: 10 abr 2014];10:905-16. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232005000400014

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Censo demográfico 2010 [internet]. 2010 [acesso em 07 abr 2014]. Disponível em: http://www.ibge.gov.br/home/estatística/população/censo2010/default.Shtm

Méndez EB. Uma versão brasileira do AUDIT - Alcohol Use Disorders Identification Test [dissertação]. Pelotas (RS): Universidade Federalde Pelotas, Faculdade de Medicina; 1999.

Silva DW, Andrade SM, Soares DFPP, Mathias TAF, Matsuo T, Souza RKT. Factors Associated with Road Accidents among Brazilian Motorcycle Couriers. The Scientific World Journal [internet]. 2012; [ acesso em: 29 nov 2013]; 1:[aprox. 6 telas]. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/22629158

Silva DW, Andrade SM, Soares DA, Almeida Nunes EFP, Melchior R. Condições de trabalho e riscos no trânsito urbano na ótica de trabalhadores motociclistas. Physis [internet]. 2008; [acesso em: 27 jan 2014]; 18(2): 339-360. Disponível em: http://www.scielo.br/pdf/physis/v18n2/v18n2a08.pdf

Zamani-Alavijeh F, Niknami S, Bazargan M, Mohamadi E, Montazeri A, Ghofranipour F et. al. Risk-taking behaviors among motorcyclists in middle east countries: a case of Islamic Republic of Iran. Traffic Inj Prev [internet]. 2010; [acesso em 19 jul 2010]; 11(1):25-34. Disponível em: http://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/20146140

Laranjeira R, Madruga CS, Pinsky I, Caetano R, Ribeiro M, Mitsuhiro S. II Levantamento Nacional de Álcool e Drogas - Consumo de Álcool no Brasil: Tendências entre 2006/2012. [internet] São Paulo: INPAD; 2013 [acesso em: 10 fev 2015]. Disponível em: http://inpad.org.br/wp-content/uploads/2013/04/LENAD_ALCOOL_Resultados-Preliminares.pdf

Pechansky F, Boni R, Diemen LV, Bumaguin D, Pinsky I, Zaleski M et al. Highly reported prevalence of drinking and driving in Brazil: data from the first representative household study. Rev Bras Psiquiatr [internet]. 2009; [acesso em: 10 fev 2015]; 31(2):125-130. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1516-44462009000200008

Alquimim AF, Barral ABCR, Gomes KC, Rezende MC. Avaliação dos fatores de risco laborais e físicos para doenças cardiovasculares em motoristas de transporte urbano de ônibus em Montes Claros (MG). Ciênc saúde coletiva [internet]. 2012; [acesso em 10 abr 2014]; 17(8): 2151-2158. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?pid=S1413-81232012000800025&script=sci_arttext




DOI: https://doi.org/10.18554/

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


URL da licença: https://creativecommons.org/licenses/by-nc/4.0/